Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2015

O Útil e o Necessário

Imagem
Alexandre Martins, cm.
Após o Concílio Vaticano II e as Conferencias Episcopais de Puebla e Medellin, o protagonismo dos leigos1 foi elevado às últimas consequências. Nunca na História Eclesiástica se proporcionou tantos direitos ao leigo católico, a ponto de vários historiadores – e mesmo muitos leigos – acreditarem que a Igreja Católica atuou como as igrejas protestantes, eliminando ou depreciando a Hierarquia Eclesiástica. O Cardeal Fernando Antonelli, membro do Consilium, organismo encarregado da reforma litúrgica lamentava-se: “Tenho a impressão de que se concedeu muito, sobretudo em matéria de sacramentos, à mentalidade protestante”. Mas a preocupação com o apostolado leigo não provem de agora. Desde o inicio do século XX os Papas tem insistido no apostolado dos leigos mais efetivo. É parte do “ser cristão” e desdobramento do Batismo. “E o próprio papa Pio XII, que propunha uma visão mais abrangente da expressão ‘ação católica’, para poder contemplar não somente uma determinada …

Congregações, Celeiros, Chuva e Vocações

Imagem
Alexandre Martins, cm.
“Celeiro de Vocações” é um dos apelidos das Congregações Marianas por vários papas e que demonstra a utilidade destas associações em fomentar e proporcionar à Igreja suas vocações sacerdotais e religiosas. Exemplos não faltam: desde proporcionar o aumento das fileiras da Companhia de Jesus até ser o embrião de novos conventos, como o clássico exemplo de Madre Teresa de Calcutá que, com companheiras de sua Congregação Mariana na sua Albânia natal, foram o primeiro grupo das Missionárias da Caridade.
A atualidade da formação para o vocacionado Nos tempos atuais, as Congregações Marianas tornaram-se um importante instrumento de orientação vocacional. Por mais que o apostolado leigo tenha se desenvolvido e tomado formas, o estilo de formação espiritual do Congregado ainda é muito útil às novas gerações de vocacionados. “A atualidade dessa espiritualidade é importante para o mundo atual, e sua regra de vida conduz a pessoa na Escola da Santidade.” afirma1 D. Orani Te…

A Caneca da Festa

Imagem
Alexandre Martins, cm.
Há momentos em nossa vida que surgem por vários fatores, como idade, oportunidade, etc. Um emprego, uma viagem, uma excursão, são momentos que marcam nossas vidas e que nos deixam lembranças. E essas lembranças são levadas por nós por muito tempo, algumas por toda a vida, como algo bom que foi vivenciado por nós. Alguns de nós participam de alguma festa, da qual esteve envolvido por certo tempo. Como uma Festa da Cerveja, que durou alguns dias e que até hoje conservamos seus souvenir, como a caneca comemorativa do evento. Os que participam de festas assim, como a Festa do Colono em Petrópolis (RJ) tem seus souvenires, suas fotos e até amigos que fizeram naqueles dias de bebida e alegria. Para alguns, foram momentos únicos e que deixarão lembranças, para outros, são momentos e amizades que somente serão repetidos um vez por ano. Há pessoas que agem da mesma maneira em associações religiosas. São aqueles que passaram por elas em algum momento de suas vidas, em ger…